As redes sociais contra a gentrificação do Recife

do recife antigo para o recife do futuro

 

Em uma intercessão de diferentes grupos sociais, culturais e urbanos, Recife se aproxima de considerar a necessidade de organização popular e da participação ativa e efetiva dos cidadãos na construção de novos espaços urbanos.

O objetivo é abordar o chamado fenômeno da gentrificação: o processo de transformação urbana em que a população original de um bairro pobre é gradualmente forçada a mover-se, e substituída por outra de maior poder de compra, depois de uma reavaliação anterior da área para fins especulativos.

Um grupo atuante “Direitos Urbanos” visa: “discutir não só os problemas da cidade do Recife, mas também idéias, propostas, novos rumos. A proposta é reunir pessoas interessadas em um Recife realmente para as pessoas (não só nos slogans), um Recife com vida”. Participe.

A especulação imobiliária se volta para a conquista do Recife Antigo e da Bacia do Pina, cartões postais do Recife, pela beleza visual.

 

Bacia do Pina
Bacia do Pina

 

Veja um exemplo de luta que ora acontece na Espanha

Publicado por

Talis Andrade

Jornalista, professor universitário, poeta (13 livros publicados)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s