O retorno da linha duríssima da ditadura militar

br_diario_comercio.linha dura

Quando o general Mourão Filho desembarcou no Recife para comandar o IV Exército, fui entrevistá-lo para o Diário de Pernambuco ou Correio da Manhã do Rio de Janeiro.

Na escada do avião, perguntei: – Qual sua linha, general? Linha dura ou…?

Ele me interrompeu: – Duríssima, duríssima.

Disse com uma voz finíssima, finíssima.

Foi a manchete de primeira página dos jornais recifenses.

Lembro que Nilo Coelho, eleito indiretamente governador de Pernambuco, e antes da posse, me confidenciou: – Na madrugada que Mourão deslocava as tropas em Minas Gerais, para iniciar a revolução, eu estava (…) com a mulher dele em Brasília…