Um desembargador ganha muito mais. Sempre mais… que um juiz

Por que esconder o ganho honesto? Metade da população brasileira recebe, no máximo, o menos. Menos de 270 reais. A maioria dos trabalhadores brasileiros tem o salário mínimo do mínimo revelado por decreto. 61o reais.

Em Belô, o prefeito Márcio Lacerda prepara o futuro remoto dele. Desde que já cuidou das coisas do presente. Ele e o prefeito de Iguatama. Mas no Brasil todo jornalista recebe o salário de fome e medo.

Minas Gerais

Pisos e categorias Salário Normativo 2011/2013
– Rádio R$ 1.480,00 – data base: Abr
– TVs e produtoras R$ 1.600,00 – data base: Abr
OBS.: O piso é para jornada diária de cinco horas.

Veja no resto do Brasil. No resto

Escreve Cristiano Alvarenga: A prefeitura de Iguatama, no centro-oeste mineiro, publicou edital de concurso público oferecendo uma vaga para o cargo de Assessor de Comunicação. O salário: módicos R$ 622,73 para carga horária semanal de 40 horas. O candidato deve ter formação superior em Jornalismo. No mesmo certame, há oportunidades para coveiro com exigência de escolaridade inferior – ensino fundamental – e salário melhor, R$ 806,90. Para “alento” dos profissionais de comunicação, os aprovados para o cargo de lixeiro receberão a mesma remuneração do jornalista.

Jornal esqueceu o Tribunal de Justiça de Minas Gerais

O Estado de Minas Gerais abriu um puta manchetão hoje para o Superior Tribunal de Justiça, e esqueceu, contrariando a lei da proximidade do jornalismo – as notícias de onde o leitor reside são as mais importantes – o desembargador Afrânio Vilela, que mandou a polícia continuar com a demolição das casas de mais de mil moradores de Belo Horizonte.

Um despejo divino, solicitado por Márcio Lacerda, exaltado numa canção como prefeito de M. Veja vídeo