A melhor pedida para Cunha: renunciar a presidência da Câmara para não perder o mandato de deputado

O que pesa contra o mais fiel representante da família brasileira

.

por João Valadares

Mariano
Mariano

O que pesa contra o mais fiel representante da família brasileira.

Fiz um resuminho no Correio Braziliense de hoje.

1 – O Ministério Público da Suíça localizou quatro contas secretas nos país europeu controladas por Eduardo Cunha. Foram bloqueados 5 milhões de dólares.

2 – O delator Julio Camargo afirmou que foi pressionado pelo presidente da Câmara a pagar 10 milhões de dólares em suborno referentes a um contrato de navios-sonda na Petrobras que teria sido intermediado pelo lobista Fernando Baiano.

3 – Do valor total relatado pelo executivo da empresa Toyo Setal, Cunha teria pedido diretamente 5 milhões de dólares. Disse que a parte que caberia ao lobista Fernando Baiano também deveria ser paga. O delator apresentou uma planilha informando os pagamentos feitos no exterior por intermédio do doleiro Alberto Youssef.

4 – Em depoimento de delação premiada, Alberto Youssef, o principal operador do esquema, também relatou que Cunha era um dos beneficiários dos desvios na Petrobras. Ele citou justamente o contrato para contratação de navios-sonda das empresas Samsung e Mtsui.

5 – Os delatores afirmam que Cunha ameaçou Camargo por meio de Fernando Baiano. O deputado havia dito que proporia um requerimento para investigar no TCU as obras em que Camargo estaria à frente. O requerimento, de fato, foi apresentado pela deputada Solange Almeida (PMDB-RJ).

6 – Cunha também é acusado de ter recebido dinheiro sujo do esquema de corrupção na Petrobras pelas mãos do policial federal Jayme Alves de Oliveira Filho, o Careca. O policial atuava como funcionário do doleiro Alberto Youssef. Fazia a entrega da propina.

.

Cunha abriu empresas de fachada para tentar ocultar contas, diz MP da Suíça
Aroeira
Aroeira

.

Ministério Público da Suíça revela que Eduardo Cunha abriu empresas de fachada para tentar ocultar contas. Cerca de R$ 20 milhões em quatro contas bancárias do presidente da Câmara e de seus familiares já foram congelados

Seu nome, portanto, apenas aparece como um “beneficiário”.

Segundo investigadores da Suíça, a manobra é normalmente usada por quem tenta esconder algo, seja da Justiça ou de algum ator exterior.

A auditoria do banco suíço também encontrou “disparidades” entre a renda do deputado declarada e os valores transferidos. Parte dos depósitos vinham de contas que já estavam sendo rastreadas.

“O Escritório do procurador-geral da Suíça confirma que abriu um processo criminal contra Eduardo Cunha sob a base de suspeita de lavagem de dinheiro, ampliando em sequência para corrupção passiva”, informou a assessoria do procurador-geral Michael Lauber.

O presidente da Câmara já foi denunciado pela Procuradoria-Geral da República ao Supremo Tribunal Federal por corrupção e lavagem de dinheiro. In Pragmatismo Político

.

Falta de decoro parlamentar. Pego na mentira pelos deputados 
Nicolielo
Nicolielo

Em depoimento à CPI em março, Cunha mentiu. Disse não ter conta no exterior

Em depoimento à CPI da Petrobras, em março deste ano, Eduardo Cunha afirmou, em depoimento público, que não possuía nenhuma conta no exterior.

Além dos possíveis crimes eleitorais e tributários, a omissão de informação patrimonial é um dos motivos que, no Código de Ética da Câmara dos Deputados, “constituem procedimentos incompatíveis com o decoro parlamentar, puníveis com a perda do mandato“.

.

Cunha pode perder mandato de deputado

.

Zop
Zop

.

O colunista Bernardo Mello Franco lembra de duas passagens na Câmara em que Eduardo Cunha (PMDB) negou ou se calou sobre possíveis contas na Suíça.

Ao ser questionado pelo deputado Chico Alencar, líder do PSOL, ‘o presidente da Câmara se manteve em silêncio, como se não devesse explicações aos colegas e à sociedade que lhe paga o salário, as refeições, os voos em jato da FAB e a residência oficial em Brasília’.

Em março, na CPI da Petrobras, foi além: “Não tenho qualquer tipo de conta em qualquer lugar que não seja a conta que está declarada no meu Imposto de Renda”.

Mello Franco ressalta que, “ao negar a existência das contas, o presidente da Câmara mentiu à CPI e omitiu informações relevantes sobre seu patrimônio, o que caracteriza quebra de decoro parlamentar”. Segundo ele, aliados já admitem que a sua permanência na presidência da Câmara está se tornando insustentável.

“Se a previsão se confirmar, restará ao peemedebista deixar a cadeira e lutar para não perder o mandato de deputado”, diz. In 247

Anúncios

Publicado por

Talis Andrade

Jornalista, professor universitário, poeta (13 livros publicados)

Um comentário em “A melhor pedida para Cunha: renunciar a presidência da Câmara para não perder o mandato de deputado”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s