Marina e imprensa quebram a trégua do luto e recomeçam campanha eleitoral

O rei está morto! Viva a rainha!

Foi decretada uma trégua política como luto pela morte acidental de Eduardo Campos.

Aécio Neves está calado.

Dilma Rousseff está calada.

Um luto desrespeitado por Marina Silva e deputados do PSB.

Marina Silva fala, fala e fala.  Principalmente via porta-vozes e marqueteiros e assessores. Isso com o apoio da Grande Imprensa direitista, que pretende realizar uma campanha fúnebre e emocional. Uma campanha que precisa ser desmascarada. E já. Inclusive com boatos de que Eduardo foi vítima de um atentado político.

Existem até profecias. E revelações de sessões espíritas:

profecia

 

Veja a propaganda do jornal que antes defendia a candidatura de Aécio Neves:

br_diario_comercio. Propaganda

 

Vem um deputado de Marina e denuncia a investigação da Aeronáutica, e pede uma apuração isenta. Fala de suspeita de atentado. Leia aqui.

O principal político que levou vantagem com a morte de Eduardo Campos foi Marina Silva. Suspeita é a desconfiança do PSB.

Quem era o proprietário do avião?

Por que Marina não quis viajar no vôo da morte com Eduardo Campos?

Está na hora de acabar com os boatos. Se existe desconfiança, revelar. Não ficar na covardia de não apontar nomes.

Publicado por

Talis Andrade

Jornalista, professor universitário, poeta (13 livros publicados)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s