CALMA MOÇO, NÃO ME CORTE EM FATIAS!

por Simone Santiago Bernardo

Simone

CALMA MOÇO, NÃO ME CORTE EM FATIAS!
ESTOU CHEGANDO AGORA.

CALMA MOÇO, NÃO ME CORTE EM FATIAS!
NÃO ME ANALISE
NÃO FIQUE PROCURANDO
CADA PONTO FRACO MEU!

CALMA MOÇO, NÃO ME CORTE EM FATIAS!
EU NÃO SOU PERFEITA
SOU COMO GELATINA NA PALMA DA MÃO
SE ME APERTAR,
FUJO ENTRE DEDOS.

CALMA MOÇO, NÃO ME CORTE EM FATIAS!
JÁ TE FALEI COMO SOU:
CIUMENTA
EXIGENTE
INSEGURA
CARENTE
TODA CHEIA DE CICATRIZES QUE A VIDA DEIXOU.

CALMA MOÇO, NÃO ME CORTE EM FATIAS!
NINGUÉM AMA EM PEDAÇO
VAI, MOÇO, ME VEJA POR INTEIRA
E VERÁ QUE SOU PERFEITA
NO TEU ABRAÇO.

 

.


Seleta de Anchieta Hélcias

Publicado por

Talis Andrade

Jornalista, professor universitário, poeta (13 livros publicados)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s