Pedidos de subsídio de desemprego aumentaram nos EUA

desemprego licho indignados bolsa

 

No Brasil existem pessoa cruéis que são contra o bolsa-família e o subsídio de desemprego. E são justamente esses indivíduos que defendem o que é bom para os Estados Unidos é bom para o Brasil. São sempre direitistas que esquecem:

O subsídio de desemprego nos Estados Unidos cobria até 26 semanas, mas em 2008, devido à recessão económica, o Governo federal instituiu programas que alargam a proteção até 90 semanas.

A taxa de desemprego nos Estados Unidos tem baixado nos últimos dois anos e em dezembro fixou-se em 6,7%, segundo dados oficiais.

Na semana que terminou a 11 de janeiro, 3,06 milhões de pessoas recebiam subsídios federais por estarem no desemprego.

Publicado por

Talis Andrade

Jornalista, professor universitário, poeta (13 livros publicados)

Um comentário sobre “Pedidos de subsídio de desemprego aumentaram nos EUA”

  1. Não sou contra o Bolsa Família! Sou contra os atuais moldes em que está estruturado!
    Imaginemos que o agregado familiar são só marido e mulher. Vão receber 70+70=140 reais! Isto é erradicar a miséria? Claramente que não! Na minha opinião o cabeça de casal deveria receber deveria receber aí uns 200 reais e os elementos seguintes uns 100 reais cada. Com estes valores a miséria seria contornada e não uns míseros 70 reais por cabeça.
    Os beneficiários do BF deveriam estar obrigatoriamente estarem inscritos no centro de desemprego(pertencer a uma base de dados administrativamente controlável) para fazerem parte das respetivas estatísticas. Atualmente existem entre 13 a 14 milhões de famílias que usufruem deste apoio social e se calcularmos 3 por agregado dá algo como 40 milhões, significando que a taxa oficial de desemprego atual é fictícia.
    A utilização de um cartão BF só cria estigmas e discriminação nos seus beneficiários.
    Escolas técnicas profissionais, começando pelas agrícolas, deveriam estar diretamente ligadas ao BF.

    E poderia continuar a escrever sobre o BF e sobre a necessidade do alargamento ao tempo de cobertura do subsídio de desemprego.

    Bom artigo!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s