Futuro Indígena Resiste

Uma criança que tem medo, tem razão e Tupã no coração.
Deus para ela é uma arvore com sua sombra que anda no chão. Deus é o rio, a força do vento, as frutas.
Deus chora quando chove, Deus castiga quando faz seca, quando seca o rio.

Os Tupã são assim: eles não vêm só pra trazer chuva, vêm também para nos proteger.

Eles não caminham em vão.
Pois nós não vemos os seres que nos fazem mal.
Somente eles podem ver os seres que nos fazem mal.

Os Mbya há muito circulam por um amplo território ao sul do Continente Sul-Americano.
Um espaço territorial que foram forçados a compartilhar com os não indígenas, que hoje lhes exigem documentos para que possam ocupar e se deslocar dentro deste território.

O território existencial Mbya se impõe burlando as fronteiras nacionais que tentam fragmenta-los, só que está cada dia mais difícil caminhar nesse território, o indígena foi obrigado a ter registro geral, obrigado a ser tornar parte da maquina, e por isso chora ao ver um não indígena, o homem que não respeita os Tupãs, não deveria ser visto por nenhum Mbya, mas assusta qualquer criança que o veja.

Pois estas não deveriam ver os seres que nos fazem mal. Aqui sonhar com fogo, plantação queimando: é doença. E se a plantação queimar toda, é certo que é morte.

________________________________________
FOTO: Jonathas Branco Campos
TEXTO: Fotógrafos Ativistas

AUDIODESCRIÇÃO: Foto em Colorida. Pequena criança Índia da aldeia Guarani – Tekoa Anhetengua – da Lomba do Pinheiro – RS, está apoiando/segurando a quina de um batente de madeira. Com os olhos tristes e com medo, trás a nítida sensação de medo, em destaque um desenho de coração vermelho pintado no seu rosto. Rosto de uma criança indígena. Linda.

criança índia brasil

Publicado por

Talis Andrade

Jornalista, professor universitário, poeta (13 livros publicados)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s