Milhares saem à rua em Espanha contra políticas de austeridade

Protesters march during a protest against government's austerity meas

 

Milhares de manifestantes saíram hoje à rua em Madrid e em várias cidades espanholas num protesto convocado por sindicatos e organizações cívicas contra as políticas de austeridade do Governo.

O desfile de Madrid teve ‘slogans’ como “sim, nós podemos”, “usa a tua força” e num dos cartazes exibidos lia-se “Julgamento para os bancos, salvemos o serviço público, as pensões, as pessoas”.

Professores, trabalhadores da limpeza, dos serviços sanitários e dos serviços sociais participaram no protesto da capital espanhola ao lado de dirigentes de vários sindicatos.

Os protestos serviram também para manifestar a recusa do orçamento para 2014 e da reforma das pensões apresentada pelo Governo.

A contestação ocorre dois anos após a chegada ao poder do Governo de direita liderado por Mariano Rajoy, que adoptou várias medidas de austeridade e teve de recorrer a um resgate para refinanciar a banca.

Os líderes sindicais manifestaram-se preocupados com a hipótese de o Governo aprovar mais cortes nas prestações sociais para cumprir o “esforço estrutural” de 2.500 milhões de euros reclamado pela Comissão Europeia.

Cáceres, Badajoz, Bilbau, Santander e Palma de Maiorca foram alguns dos locais onde hoje se registaram concentrações de protesto. Lusa/Sol

BARCELONA
BARCELONA

Miles de personas, 200.000 según los organizadores, han salido a las calles de Barcelona para protestar contra los presupuestos de 2014, los recortes en servicios sociales, la precariedad laboral y la reforma de las pensiones, en una marcha organizada que también se ha convocado por al Cumbre Social en otras ciudaes del Estado. En Catalunya, ha sido oganizada por la Plataforma Prou Retallades, que engloba a sindicatos, entidades y asociaciones [MIRA LA FOTOGALERÍA].

“Dos años después han hecho todo lo contrario de lo que habían prometido. Hay dos millones de parados más, hay 12 millones de pobres y gente echada con violencia de sus casas. Hay un Gobierno que sólo piensa en reducir el déficit y se desentiende de los ciudadanos. ¡Salvemos a las personas!”, decían el cantautor Ismael Serrano y la cantante Alba Flores, que han pronunciado el discurso conjunto de la Cumbre Social y Marea Ciudadana [VIDEO]

Publicado por

Talis Andrade

Jornalista, professor universitário, poeta (13 livros publicados)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s