O petróleo é nosso, as contas bancárias, deles (Millôr). Em matéria de pré-sal, hoje é segunda-feira da paixão, ou mudando o visor, a segunda-feira da traição

por Helio Fernandes

Ronaldo
Ronaldo

Vão doar o presente e o futuro do país, esquecidos do que retumbaram no passado, quando surgiu essa dádiva do petróleo subterrâneo, no fundo do mar.

Fizeram uma festa festiva, isso não é redundância, é complemento. “O petróleo é nosso”, que iria enriquecer e libertar o Brasil, completamente desperdiçado. Cometeram o erro ou equívoco de submeter a Petrobras ao domínio da União, que desbaratou essa riqueza fantástica.

PRÉ-SAL, O BRASIL DA OPEP

Quando constataram a realidade desse petróleo subterrâneo, não pouparam elogios a eles meses, os gênios das “privatizações-doações”. Começaram com a covardia de FHC, que desistiu de privatizar a empresa, mas criou os leilões “enrustidos”, também traidores.

Combatidos por este repórter, insistentemente, em pleno “retrocesso de 80 anos em 8”, de FHC. E também por Lula e Dilma, enquanto estavam fora do poder.

Enquanto este repórter manteve a luta ainda com mais entusiasmo depois do pré-sal, Lula e Dilma chegaram ao Poder, mudando completamente de convicção (?).

É mais do que repetido e badalado o conceito: “Não há ninguém mais conservador do que um revolucionário no Poder. Lula e Dilma jamais foram revolucionários. O que provaram a partir de 202, até agora, 2013. Lula foi eleito, passou o cargo a Dilma. As riquezas? Entregaram a grupos poderosos. Por que Dilma fez tanto barulho pelo fato do governo americano “bisbilhotar” a Petrobras, se vão mesmo entregá-lá?

O PRÉ-SAL DA CONFUSÃO COMEÇA
COM BOMBAS E FERIDOS

Ao meio dia, a Barra já estava congestionada, engarrafada, entusiasmada. Carlos Lessa, notável figura, grande economista, ex-presidente do BNDES, que denunciou a Lula a corrupção nesse banco, dava início aos trabalhos .

Aplaudidíssimo, vestido todo de preto, retumbava: “Estou com 77 anos, sou do tempo do petróleo é nosso, não pensei que viria ao velório da Petrobras e das riquezas nacionais”.

Já se formavam grupos, que têm aumentando, duas horas antes de começar o festival de entreguismo e do “leilão” corrupto. E logo começou a confusão, com bombas, gás lacrimogêneo e os primeiros feridos.

POPULAÇÃO DA BARRA
CONTRA O LEILÃO

Os moradores da Barra, que estava achando que “o leilão tinha que ser no Centro e não lá longe”, foram procurados pelos líderes dos petroleiros que comandam a greve, aderiram totalmente.

Como podem ficar no “cercado” destinado ao povo, aceitaram. Apoio sensacional. Quero ver se as forças de repressão atirarão contra o povo.

Por que chamar o Exército? Deve ser coisa do Celso Amorim, aquele dos escândalos da presidência da Embrafilme, da diplomacia sem fundo ou completamente no vazio.

 UM LEILÃO DE BARRICADAS.
PARA QUÊ? PARA NADA

No meio desta tarde, já tinham sido montadas 13 barricadas na Barra. Quatro com soldados do Exército, da Polícia Militar, municipal. E nove com material não humano, quase diria desumano.

E além do mais: sequestro burro da opinião pública. Por que não deixam o cidadão se manifestar, opinar, mostrar o que devia ou não ser feito? Sem repressão logicamente violenta, não haveria o que chamam de confronto. Por que insistem que só a violência constrói para a eternidade?

O governo incompetente (e não apenas o que está no poder) tem que ter o monopólio da austeridade (?), da credibilidade (?), da dignidade (?), da responsabilidade (?).

E O CONSÓRCIO VENCEDOR?

O leilão de Libra  ficou no preço mínimo, com uma enorme contradição. Se a Petrobras já tinha 30%, para que toda essa confusão, a parceria com os chineses, holandeses e franceses, para nossa estatal ficar com mais 10%? O pior é que somente a Petrobras detém a tecnologia de exploração em águas superprofundas. A China só tem dinheiro. A Shell e a Total entram com quê?

Publicado por

Talis Andrade

Jornalista, professor universitário, poeta (13 livros publicados)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s