Dinheiro de amistosos da seleção desviado para conta de Alexandre Feliu, presidente do Barcelona, amigo de Ricardo Teixeira

BRA^MG_EDM futebol nao fiscalizado

Parte do dinheiro pago para a CBF por 24 amistosos da seleção brasileira foi desviada para uma conta nos Estados Unidos em nome de Sandro Rosell, presidente do Barcelona e amigo pessoal de Ricardo Teixeira, ex-presidente da entidade que dirige o futebol brasileiro. A Informação é do jornal o Estado de S.Paulo.

A comercialização de jogos da seleção brasileira é feita pela empresa ISE, com sede nas Ilhas Cayman.

De acordo com contrato obtido pelo Estadão, a Ise negociava amistosos da seleção por US$ 1,6 milhão, mas apenas cerca de R$ 1,1 milhão iam para a CBF. O restante ia para a conta nos EUA de uma empresa de Alexandre Feliu, nome verdadeiro de Sandro Rossell.

Rosell chegou a ser investigado no Brasil por causa de suspeita de desvio de recursos públicos na organização de um amistoso entre Brasil e Portugal, em 2008.
Fonte: R7.com

Brasil protesto estádio copa futebol

Publicado por

Talis Andrade

Jornalista, professor universitário, poeta (13 livros publicados)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s