Governador Eduardo Campos não paga salário piso aos professores

Informa o Blog de Jamildo:

 

Professores dizem não ao governo de Pernambuco
Professores dizem não ao governo de Pernambuco

Os trabalhadores em educação lotaram o Teatro Boa Vista, em assembleia realizada na tarde desta sexta-feira (15). O propósito da reunião foi repassar informes da última mesa de negociação e aprovar novas datas para a campanha salarial.

Os informes foram repassados segundo a última rodada de negociação. Nela, o secretário de Educação do Estado, Ricardo Dantas disse que Pernambuco passa por momentos de dificuldades financeiras, por isso a não aplicação da Lei do Piso.

Em função disto, o reajuste de todos os trabalhadores em educação do Magistério seria de 7,97% para quem tem ensino Médio, e para quem tem ensino superior o aumento de 3,9% durante seis meses e a partir de julho o aumento seria de 7,97%. O representente da categoria afirmou que, com essa proposta, não haverá início o processo de negociação.

“O Estado reduziu o que se conseguiu no período de luta. Só começamos a negociar se a base for respeitada”, garantiu o presidente do Sintepe, Heleno Araújo. Segundo o sindicalista, o governo pediu um tempo para repensar.

Uma próxima mesa específica de negociação foi agendada para o dia 26 de março.

No encontro, serão levados pontos que o Conselho Estadual de Representantes deliberou, entre eles, rejeitar qualquer proposta que diminua salário, resolver pendências na negociação, avançar no percentual de julho a partir de 2013, pressão dos núcleos regionais para viabilizar as propostas que garantam uma melhoria na vida do profissional em educação.

O momento serviu ainda, para reforçar os três dias de greve nacional convocada pela Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE), 23, 24 e 25 de abril. Terminada as avaliações, três deliberações foram aprovadas pela categoria.

A primeira, que o reajuste seja de 8% a partir de janeiro para todos os trabalhadores em educação e em julho acrescentar 6% no salário a partir de julho. A segunda, foi se utilizar da estratégia de manter o processo de negociação, mobilização paralela nas regionais e no próximo dia 8 de abril, às 9h, uma nova assembleia está marcada, no teatro Boa Vista.

 

Publicado por

Talis Andrade

Jornalista, professor universitário, poeta (13 livros publicados)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s