Cinegrafista e repórter presos pela polícia que escolta dono da boite Kiss

Detidos pela polícia em Cruz Alta

BRA_ZH boite Kiss

A imprensa brasileira e internacional da direita reclama que ninguém pode falar com Hugo Chávez.

Um cinegrafista e uma repórter foram detidos na tarde deste sábado, em Cruz Alta, na Região Noroeste.

De acordo com informações da RBS TV, eles teriam tentado furar o bloqueio da polícia no Hospital Santa Lúcia, onde está internado Elissandro Sphor, um dos sócios da boate Kiss.

Para chegar até o quarto, eles ofereceram uma grande quantia em dinheiro (600 mil reais) para uma funcionária do hospital, que desconfiou do casal e chamou um chefe. A polícia foi acionada e os dois acabaram presos.

Com eles foi apreendida uma câmera escondida e outros equipamentos.
Durante o depoimento eles disseram que planejavam fazer uma entrevista exclusiva com Elissandro e o material seria vendido para uma emissora de televisão.

Em Pernambuco, os jornalistas seriam presos por extorsão.

BRA_PIO que Brasil queremos após boite Kiss

Publicado por

Talis Andrade

Jornalista, professor universitário, poeta (13 livros publicados)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s