Prefeito Tucano Eduardo Cury, envolvido no massacre do Pinheirinho, perde eleições para o PT

O candidato do PT alcança o Paço municipal após 16 anos de hegemonia do PSDB

Carlinhos Almeida, do PT, o novo prefeito
Carlinhos Almeida, do PT, o novo prefeito
Prefeito Eduardo Cury massacrado nas urnas
Prefeito Eduardo Cury massacrado nas urnas

O candidato do PT Carlinhos Almeida é o novo prefeito de São José dos Campos. A disputa entre o petista e o candidato do PSDB Alexandre Blanco foi acirrada e quase levou os candidatos ao segundo turno. O candidato Carlinhos Almeida teve 50, 99% dos votos válidos para 43,15% do segundo colocado.

O candidato do prefeito Eduardo Cury foi massacrado nas urnas. Pagou pelas violências praticadas no despejo e ocupação militar do Pelourinho.

Escreve Jeferson Choma:

Alckmin, a prefeitura do PSDB e a polícia insistem em dizer que a “desocupação foi tranquila”. Chegaram a dizer que nem feridos havia. Algo absolutamente ridículo. O número de feridos é incalculável, muitos foram feridos com disparos de arma de fogo. “A gente está aqui é para ver o bagulho ficar louco”, respondeu um soldado aos apelos das mães do Pinheirinho. O PSDB mente para tentar impedir o desgaste perante a opinião pública.

PSDB precisa pagar pelos seus crimes! 
Basta de violência e repressão! É preciso derrotar a política repressiva e racista de Alckmin! Vamos ocupar a praças e realizar protestos contra a ação criminosa do PSDB. É preciso intensificar as ações de solidariedade em todo o país. O governo do PSDB deve pagar pelo seu crime!

Eles odeiam os pobres! 

Geraldo Alckmin – Amigo dos banqueiros e dos empresários, o tucano é um político reacionário, ligado ao ultra-conservadorismo da Opus Dei. Odeia os pobres e a credita nas “virtudes curativas do porrete da polícia” . Mandou a PM bater em estudantes da USP, no ano passado, e nos dependentes quimicos da “cracolância”.

Naji Nahas – Mega especulador, “dono” do terreno ocupado pelos moradores do Pinheirinho, responsável pela quebra da Bolsa de Valores do Rio de Janeiro, em 1989. Em 2006, a Polícia Federal prendeu Nahas e o acusou, junto com Daniel Dantas (outro eminente corrupto), de comandar crimes no mercado financeiro. Porém, os dois foram libertados. A empresa de Nahas, proprietária do terreno do Pinheirinho, deve 16 milhões só de impostos.

Eduardo Cury – Prefeito de São José dos Campos. Desde de 2004, vem tentando retirar as famílias do Pinheirinho para entregar a Nahas. Ganha um salário de 19.395,24 por mês. Bem diferente d os 60% das famílias do Pinheirinho que vivem com menos de um salário mínimo (IP&D / UNIVAP).

Márcia loureiro – Juíza que ordenou a expulsão dos moradores de Pinheirinho. Pau mandado do PSDB e da especulação imobiliária, disse em uma reunião com os líderes do movimento que não poderia recuar na reintegração porque o “terreno vale muito”.

(Transcrevi trechos)

 

Publicado por

Talis Andrade

Jornalista, professor universitário, poeta (13 livros publicados)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s