Estrangeiros assassinados no Rio Grande do Norte. Queima de arquivo ou briga de máfias?

A nova onda da invasão de Natal, por estrangeiros, começou na década de 90. Também desta época o aparecimento de máfias, formadas por noruegueses nativos ou naturalizados. Pelos menos são conhecidas cinco quadrilhas, quatro delas já condenadas pela Justiça brasileira. Também se desconhece quantos estrangeiros foram assassinados, e se mafiosos também estrangeiros estão por trás desses crimes. Possivelmente que sim.

A imprensa da Noruega denomina Natal “Paraíso do Crime”.

A FÚRIA ASSASSINA MAIS RECENTE

Setembro, 2010

As mortes de estrangeiros no Rio Grande do Norte nos últimos meses se transformaram em mistérios sem solução. Pelo menos oito pessoas com nacionalidades distintas foram assassinadas e os casos permanecem em investigação. O mais recente deles, é o da portuguesa Rosa Maria Silveira Mendonça, de 54 anos. Ela foi morta por estrangulamento em Tibau do Sul, no dia 23 de agosto.

Também recente, mais precisamente no dia 3 de agosto, o espanhol André Jaime Romero Conde foi vítima de um latrocínio, na entrada de um Flat, em Ponta Negra, Zona Sul de Natal.

Outro caso emblemático e que já ultrapassou um ano sem solução é a morte do sueco Gert Björn Skytte Sandgren, de 59 anos. Ele foi assassinado no dia 1º de março de 2009 com um tiro no peito, dentro de uma pousada na praia de Pipa.

Gert Björn
Gert Björn

No dia 1º de janeiro deste ano, o alemão Winfried Tiel, de 58 anos, também foi assassinado.

 Winfried Tiel
Winfried Tiel

Dos casos envolvendo estrangeiros, o que ganhou mais repercussão nos últimos meses foi a chacina contra quatro chineses. Dois casais foram executados e encontrados em uma estrada de Macaíba.

Foto: Thyago Macedo
Foto: Thyago Macedo

Jin Wanghai, de 39 anos, Zhou Miaozhen, de 36 anos, Lixiong Lin, de 36 anos, e Zhang Haiyan, de 38 anos, foram assassinados com vários tiros, após serem convidados para uma transação comercial. Por Thyago Macedo

2014
MAIS UM ESTRANGEIRO DONO DE RESTAURANTE ASSASSINADO

Misteriosamente ou coincidentemente, os estrangeiros proprietários de bares e restaurantes no Rio Grande do Norte estão sendo assassinados.

No dia 22 de Abril o empresário norte-americano James Halper proprietário do restaurante Pacífico localizado na praia da Pipa no município de Tibau do Sul foi assassinado.

Ontem o empresário português Antônio Lopes proprietário do bar Tapas localizado no bairro de Ponta Negra foi assassinado com tiros na cabeça em frente ao seu estabelecimento.

Antonio Lopes
Antonio Lopes

O criminoso não levou nenhum objeto de valor do restaurante, portanto, não foi caracterizado assalto.

No restaurante ninguém quer falar sobre o crime, o que aumenta o mistério. Por Tony Costa

Publicado por

Talis Andrade

Jornalista, professor universitário, poeta (13 livros publicados)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s