Pistolas elétricas em Maringá. Armas proibidas contra o povo

Maringá, Maringá
Tudo aqui ficou tão triste,
Que eu garrei a maginá

Maringá, Maringá
Para havê felicidade
É preciso que a polícia
Vá batê noutro lugá

Maringá, Maringá
Pra de novo o coração
De um cabloco assosegá
É preciso que a polícia
Vá batê noutro lugá

Escute a música

Publicado por

Talis Andrade

Jornalista, professor universitário, poeta (13 livros publicados)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s