Ivan Sartori, comandante das tropas que expulsaram os pobres do Pinheirinho, defende censura

Themis, a deusa da Justiça, por Kinuko Y Craft
Themis, a deusa da Justiça, por Kinuko Y Craft
Nesta terça-feira (21/03), o desembargador Ivan Sartori, presidente do Tribunal de Justiça de São Paulo, defendeu a criação de um Conselho Nacional de Justiça (CNJ) para a imprensa. “Eu vou falar. Temos o CNJ e vocês não querem o Conselho Nacional de Jornalismo. Ia ter mais responsabilidade”, e reafirmou que a inspeção do CNJ nos tribunais, inclusive o seu, é rotineira. “Eu sempre fui favorável a isso”, disse.
O CNJ não prende nenhum bandido togado. A pena máxima é uma rica aposentaria antecipada. Aposentadoria é prêmio.
Sartori supõe que a toga tem sido “enxovalhada” pela imprensa. “Quando eu julgo um caso eu me coloco no lugar da parte”, ele disse. “Vocês jornalistas não se colocam (no lugar) das pessoas que estão sendo enxovalhadas por vocês”, disse.
No caso que chamou de “episódio do Pelourinho”, Sartori se “colocou no lugar da parte”.
De acordo com o portal Exame, não é a primeira vez que Sartori crítica a imprensa. Logo que assumiu o cargo, em janeiro, insatisfeito com um editorial do jornal O Estado de S. Paulo, ele disse que sofria “patrulha ideológica”.
Também nesta terça, o jornal publicou sobre irregularidades no Tribunal de Justiça do Tocantins, a qual Sartori chamou de “notícia requentada, velha”. Recentemente, quando recebeu a visita da ministra Eliana Calmon afirmou que o Estadão “é parcial”.
 Processos dormem nas gavetas dos tribunais. Velhos processos que precisam ser requentados. Julgados.
A imprensa precisa lembrar os crimes impunes. Sempre.

Publicado por

Talis Andrade

Jornalista, professor universitário, poeta (13 livros publicados)

Um comentário sobre “Ivan Sartori, comandante das tropas que expulsaram os pobres do Pinheirinho, defende censura”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s