ESCURAS NOITES NATALENSES

AS FILHAS DA RUA

poema de Talis Andrade

Amo as crianças
Amo
Amo
Amo as crianças
do Pai
Pátria amada
Brasil

Odeio milhões de brasileiros
pedófilos
Odeio seus cúmplices
Malditos sejam seus cúmplices

Choro pelas crianças
Choro pelo Brasil
nação cruel
país de 250 mil prostitutas infantis

250 mil crianças com fome
250 mil crianças escravas
do tráfico de sexo
250 mil crianças que tomam droga
para suportar os estupros
250 mil crianças que tomam droga
para entorpecer o corpo
insensibilizar o corpo
para não sentir
a dor
a tortura
a empalação
de oito a dez penetrações por dia
em suas estreitas e pequenas vaginas


P.S.: Brava gente potiguar, erradique a bandidagem que transformou Natal no “Paraíso do Crime”.
Expulse os criminosos internacionais, que realizam os negócios da noite, inclusive os da prostituição.

Invasores que tomaram os hotéis, as pousadas, os motéis, os bares, os restaurantes, as boates, as praias, os clubes de campo, e promovem o turismo sexual.

Bandidos de todas as nacionalidades. & de todos os crimes. Notadamente o tráfico de sexo, de drogas, de moedas, de mulheres. Isso não acontece sem a cumplicidade do executivo, do legislativo e do judiciário.

Publicado por

Talis Andrade

Jornalista, professor universitário, poeta (13 livros publicados)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s